05 abril 2019

ENTRE BLOGGERS | Quando dizer não para uma parceria


Não existem dúvidas: toda blogueira espera pelo momento de receber os famosos mimos. Receber o primeiro e-mail de uma loja propondo parceria é muito gratificante porque além de ser uma forma muito legal de ver que o seu trabalho está atingindo mais lugares também nos passa uma sensação de "olha que legal, essa loja acredita no meu trabalho ao ponto de querer publicidade no meu espacinho!" e claro, isso nos motiva. Eu sempre sinto um friozinho na barriga quando recebo propostas e fechar parcerias me deixa muito feliz, mas fato é que nem tudo são flores e ás vezes é preciso sentar, analisar e no fim das contas, recusar. Dizer não pode ser difícil, mas acredita em mim, dependendo da situação, é muito necessário. Então pra hoje, vamos falar sobre 4 situações que podem te fazer dizer thank u, next pra uma parceria. Bora? 


1.  QUANDO A REPUTAÇÃO DA MARCA É RUIM
Eu coloquei essa em primeiro lugar porque é algo extremamente importante não só pra preservar a reputação do seu próprio blog mas também pra manter a confiança dos seus leitores. A primeira coisa que eu faço quando recebo um e-mail sobre parceria é pesquisar sobre a loja no google, ver reviews no youtube e jogar o nome da loja no search do twitter pra ver se tem muita gente reclamando ou não. Essa pesquisa é essencial, afinal, já pensou se algum leitor vê a sua indicação falando maravilhas de uma marca, decide investir no produto e aí descobre que a marca, na verdade, é péssima? Por mais que você não saiba e não seja responsável por isso, vai pegar mal pro seu blog, pro seu nome e os seus leitores não vão mais confiar tanto nas suas resenhas como antes. É claro, problemas com entregas em lojas online e etc acontecem, mas é importante pesquisar sobre as lojas com as quais você fecha parceria para saber se acontecem apenas problemas ocasionais ou se as reclamações são unânimes. Se for o último caso, foge dessa parceria!


2. QUANDO A MARCA NÃO COMBINA COM O SEU CONTEÚDO
A primeira vez que eu neguei uma parceria foi por esse motivo e gente, foi difícil! A gente espera tanto pras oportunidades chegarem que quando elas chegam nossa vontade é gritar "sim!" logo de cara, mas já sabemos que não é assim que funciona, né? Eu lembro que me propuseram parceria com uma loja de t-shirts masculinas com estampas num estilo mais hip hop e afins. E ok, muito legal, mas o que o LIKEGABS tem a ver? Sim, ás vezes eu falo sobre moda aqui no blog, mas as semelhanças do LG com a loja de roupas acaba por aí. Eu tenho leitores homens -que são muito bem vindos ♡- mas a maioria esmagadora do meu público é feminino, além disso eu nunca abordei sobre hip hop ou coisas parecidas aqui no blog e essa parceria simplesmente não faria sentido porque, por mais legais que as t-shirts fossem, uma parcela muito pequenina do meu público ia curtir e nem a marca ia se beneficiar com isso, foi nessa hora que eu tive que agradecer, mas recusar. Reconhecer o que o seu público curte -ou não- é importante demais pra que as suas parcerias sejam bem sucedidas. 


3. QUANDO A PARCERIA SÓ BENEFICIA UM DOS LADOS
Continuando com o exemplo do tópico 2, quando eu disse ali em cima que nem aquela marca ia se beneficiar com a parceria, eu estava pensando no lado deles também, afinal, eu ia ganhar umas blusinhas ou dinheiro, mas a marca ia ganhar o que? Sabendo que o meu público não ia curtir o post, não teria sentido nenhum fechar uma parceria dessas. E o mesmo acontece (e acho que é o que mais acontece) quando só a marca se beneficia. Quando você recebe uma proposta, é preciso ler e analisar se aquilo vale a pena pra você. É permuta? É pagamento? O que faz mais sentido pro seu blog, pro seu conteúdo, pro seu público e pro seu coração pra que você possa fazer um post sincero e que te agrade? Lembre-se que você não tá fazendo um favor pra marca e nem a marca fazendo um favor pra você, não é obrigação sua aceitar a primeira proposta que te aparece e você também pode negociar com a loja pra que os dois lados saiam ganhando. Parceria é isso!


4. QUANDO A SUA SINGULARIDADE NÃO É LEVADA EM CONTA
Eu já falei sobre isso no post 8 coisas que não te contam sobre ser blogueira, mas cabe muito bem aqui também: uma vez recebi uma proposta de parceria e aí descobri que a loja queria me dizer exatamente como eu devia escrever o post, palavra por palavra e tudo. Tudo que eu consegui pensar foi um "peraí, meu anjo" hahaha. Claro que agradeci a proposta, mas acabei negando a parceria. Eu lembro que depois entrei em alguns outros blogs e vi o tal do post pronto postado igualzinho ao que a marca queria que eu postasse e isso me deixou triste de verdade mesmo. Eu super entendo quando as lojas nos pedem algumas frases prontas pra validar a parceria, beleza. Mas o post inteiro? Not today, satan! A graça de termos tantos blogs diferentes por aí é que cada pessoa pode se identificar com uma blogueira diferente, com o jeito que ela escreve e a forma com que faz os posts. Se fosse pra ser tudo igual, que tivesse um blog só na internet toda, ora! Então essa última dica é só pra isso mesmo: te lembrar que a sua autenticidade faz a diferença e que se uma marca não valoriza ela, talvez você deva fazer a Ariana Grande e dizer thank u, next pra essa parceria. 


Cabô! Agora eu quero saber, o que faz com que vocês digam não para uma parceria? Bora trocar experiências!

VEJA MAIS:
Ei, antes de ir, dá uma olhadinha nas redes sociais? 

70 comentários:

  1. Socorro Gabs, eu tenho um post exatamente sobre esse assunto para postar no blog.
    Acho que ta tendo um problema enorme em relação a publicidade nos blogs. De uma lado temos blogueiras hiper satisfeitas em ver seu trabalho sendo reconhecido e podendo levar isso a um novo patamar e do outro temos empresas que são confiáveis e outras nem tanto. Acho que precisa ter um debate em relação a isso, já que com o número de pedidos de colaboração aumentando, é comum evitar recusar, só que todo mundo devia fazer um balanço sobre cada empresa para descobrir se é vantajoso ou não fazer parceria.
    Do nada aparecem umas lojas cheias de exigências e regras que você tem que cumprir querendo pagar um valor fora da faixa. Esses dias eu recebi uma proposta e acredita que a loja era pura fachada e cheia de reclamações? sorte que eu sempre faço muitas buscas e descobri. Tem muitas lojas pagando para aparecer em blogs e aumentar seu hanking de busca/estarem falando sobre para aumentar a credibilidade que eles não tem. E só pega mal para a blogueira, já que ela perde toda a confiabilidade que tinha.
    Antes de aceitar qualquer coisa, tem que ver se aquilo vai valer a pena, afinal, é seu nome na reta.
    amei seu post (divaguei demais, espero ter feito sentido kk)
    beijos
    lolamantovani.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Tay! Disse tudo e mais um pouco. Eu também recebi uma proposta de uma loja dessas, fui pesquisar e só encontrei feedback negativo. Dá um alívio pesquisar antes e saber onde a gente tá se metendo, né? E claro que seu comentário fez sentido, e muito!

      Excluir
  2. Concordo plenamente contigo, parceria tem que ser algo natural, onde o conteúdo condiz com o gosto do blogueiro e do público e quando é útil para ambas as partes :)

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir
  3. ADOREI esse post, nos quase 10 anos de blog aprendi a recusar parcerias que nao faziam o menor sentido pra mim e pro blog, a gente tem mesmo que ter esse filtro

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  4. Gabs, concordo demais! Muitas vezes vi alguns blogs fazendo umas parcerias tão sem nexo, que não tinha nada a ver com o conteúdo das postagens.
    Acho que a blogueira deve saber que nem toda parceria merece ser fechada. Excelente postagem!
    Beijos! Dear Masen

    ResponderExcluir
  5. Nossa, concordo muito! Eu já vi muitos posts de publicidade que realmente não combinam com a imagem do blog, com o público que ele possui, e não faz sentido com os posts anteriores; parece que ficou meio que jogado ali mesmo, sabe? E como você citou, autenticidade é muito importante. É isso que faz alguém acreditar no que você escreve e nas coisas que você propõe, tenham elas a ver com consumo ou não.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim!!! Exatamente, Ana. Autenticidade é tudo, ainda mais nessa era em que existe conteúdo parecido.

      Excluir
  6. Suas dicas foram ótimas <3 Ainda não tenho nenhuma parceria, porque o blog ainda é pequeno. Mas, futuramente essas dicas devem me ajudar quando eu for procurar uma :)

    Gravado na Memória

    ResponderExcluir
  7. Isso é tão importante e de tanta ajuda para quem está no comecinho do blog, Gabs! Eu amo o seu espaço por isso, você sempre procura ajudar todos os lados e por isso o seu trabalho é reconhecido. Parabéns!!!

    Beijos, espelho do Reino <3

    ResponderExcluir
  8. Perfeito seu post, amei! Eu já tive parcerias só com lojas de roupas, por isso, não sei ainda falar amplamente sobre o assunto. Espero um dia poder falar. =D
    Beijos
    Aline Star

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As que eu já fechei (e muitas das que já recusei) foram de roupas também, mas as dicas servem pra todo tipo de parceria, viu?

      Excluir
  9. Oi Gab's
    É chato mesmo ter que recusar propostas assim, mas a gente tem que pensar no nosso trabalho como um todo e saber que tudo que envolve a nossa marca repercute de diversas formas.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  10. Gabs eu tinha comentado mas deu erro, acho que não foi =/ enfim, vamos lá haha. Odeio essas situações, principalmente a última, onde a marca acha que nosso blog é apenas "uma vitrine" para expor o seu produto/serviço do jeitinho que desejam, é muita cara de pau não é? haha. Já recebi cada proposta que até Deus duvidaria, existem muitas "parcerias" furadas por aí e temos realmente que nos atentar antes de aceitar qualquer coisa. Arrasooou nas dicas :) https://natzpelomundo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Natz! É muita cara de pau e muita desvalorização do nosso trabalho

      Excluir
  11. Eu amo os seus posts, sempre muito bons e com conteudo! Eu ja disse NAO pra muitas lojas, por que queriam pagar um preço baixo para muito serviço! E eu nao trabalho de graça, jamais. Sabendo que elas pagam rios de dinheiro pra blogueiras mais influentes e se negam a pagar pra nós que somos menores, mas que também temos nossa opiniao e as vezes, fazemos o trabalho de divulgaçao melhor do que as grandes influenciadoras que simplesmente postam no story sobre tal produto! Enfim...
    www.paaradateen.com
    youtube.com/LuanaAndradeVideos
    instagram.com/_luanaandrade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Lu! Temos que valorizar o nosso trabalho. E obrigada, sua linda!

      Excluir
  12. Eu concordo demais! Eu já recusei várias parcerias. Na verdade, eu mais recusei, do que aceitei. O principal motivo que me faz dizer não pra uma parceria é quando percebo que não vou conseguir me dedicar a ela. Meu blog não segue um cronograma rígido. Eu posto o que leio, o que gosto, e não trabalho muito com prazos, porque meus horários são uma loucura. E sei que parcerias têm prazos a cumprir (o que está certíssimo) e quando vejo que não poderei corresponder, não aceito. Eu tenho PAVOR de deixar furo com os outros, por isso procuro não assumir compromissos que não posso cumprir. Algumas parcerias recusei por não combinar com o estilo do meu blog, nem com o meu, como vc mencionou aí.
    No começou dava mesmo uma dó de dizer não, mas agora tô mais tranquila quanto a isso, hehe.

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Também sou desse jeito quanto a furar com os outros, acho um desrespeito enorme, então só aceito quando posso me dedicar de verdade e fazer algo legal. Recusar da um dózinho, né? Mas é pro bem haha

      Excluir
  13. Dicas maravilhosas. Muito bom pra quem pensa em uma parceria.
    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  14. Amei demais esse post!
    Precisamos falar mais sobre isso!

    beijos

    ResponderExcluir
  15. Boa tarde,
    Tudo bem?
    Muito bom seu texto!
    Acredito que quando o parceiro quer que você dê uma opinião que só o beneficie, ou quer até influenciar no seu post é ruim!

    Beijos e se cuida
    www.rimasdopreto.com

    ResponderExcluir
  16. Que post incrível! Me ajudou muito. Obrigada!

    Ótimo post!
    >>> https://blogjulianarabelo.blog/

    ResponderExcluir
  17. Gabi, adorei o post e esses pontos que, em alguns momentos, acabamos esquecendo pela tal da afobação pra fechar a parceria. Além do que você disse, vou pontuar a empatia com o responsável pelo setor de parceria da marca. Porque mesmo a marca tendo o perfil do seu blog, o mesmo seguimento se a pessoa responsável não te tratar com respeito ou demorar muuito ou nem responder emails com questionamentos, acho que também não vale a pena fechar a parceria.

    Beijos,
    gabepinheiro.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ponto mega importante que vale a pena ser lembrado, Gabi! Obrigada <3

      Excluir
  18. Amei seu post, no começo do blog fiz o erro de fechar várias parcerias que não tinham nada a ver com meu público e conteúdo, apenas porque precisava do valor.. mas, antes as marcas valorizavam muito mais nosso trabalho. Hoje percebo que elas agem como se isso fosse fútil, sendo que os blogs são donos dos backlinks que elas tanto precisam para crescer no Google, hoje recebi a proposta de divulgar uma empresa de GRAÇA para eles tentarem a minha relevância, porque eles recebiam muitas propostas. Fala sério! Tenho medo desse trabalho acabar, porque o amo de paixão, mas é fato que hoje a credibilidade das criadoras de conteúdo diminuiu muito.

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Kaila. É uma pena que o nosso trabalho seja tão desvalorizado. Essa proposta que tu recebeu é uma piada e pensar que deve ter um monte de blogueiras aceitando é triste!

      Excluir
  19. Não tem realmente nada de mal dizer que não quando a parceria não é realmente benéfica. É um bom post informativo. Boa partilha!

    ResponderExcluir
  20. Oi Gabs,
    Achei muito válido tudo o que você disse.
    É muito legal fazer parcerias, mas tem que ser feita com consciência, sabedoria e de coração.
    Beijos e bom feriado pra você!
    Borboletra
    Grupo de blogueiros no whatsapp

    ResponderExcluir
  21. Muito necessário esse post,porque a gente se dedica tanto ao blog que quer sim fechar parceria e muitas vezes no desespero aceitamos qualquer coisa,mas não tem que ser assim..tem que ser um acordo entre as duas partes,nas quais as duas irão se beneficiar.
    Bj.
    http://blogcarolarruda.blogspot.com
    @blogcarolarruda

    ResponderExcluir
  22. Suas dicas são ótimas. Já muitas blogueiras fazendo parceria com marcas que não tem nada haver com o conteúdo do blog.
    É preciso pesquisar muito bem a reputação da parceria pra não se arrepender depois.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Até porque é o nosso nome que fica manchado depois, né?

      Excluir
  23. Eu achei esse post tão necessário, principalmente para as meninas que estão começando agora, e concordo muito com os seus pontos de vista em relação a parceria,

    https://www.dosedeestrela.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Ótimo post, são dicas que temos que observar mesmo!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  25. Um post super pertinente e para todo mundo pensar muito bem. Ótimas dicas tanto para iniciantes como para mais experientes. Parabéns!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  26. Ultimamente é o que mas tenho feito, recusar parcerias kkkkkk. 90% não é do meu nicho (lojas de roupas chinesas), então recuso mesmo kkkkk.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  27. Gostei mmuito das dicas, nunca fiz parceria com marcas, já fiz entrevistas e parcerias com outros blogs e depois achei melhor recuar por um po até me programar melhor dar um tempo para colocar a casa(eu)em ordem.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fez certo, Vanessa! Primeiro temos que estar organizadas e cientes de que vamos poder cumprir com as parcerias, né?

      Excluir
  28. Oi, Gabs!
    Muito legal esse post.
    E é tudo muito verdade.
    Já falei não para parcerias, mas de blogueiros querendo resenhar o meu livro. Depois de um tempo me dando mal aprendi a dizer não.

    Beijooos

    Teca Machado
    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  29. Adorei seu post.
    Confesso que é muito difícil recusar parcerias, ainda mais quando estamos no começo, mas precisamos realmente levar em conta.. adorei o post, muito bem explicado!

    Blog Reflexo Brilhante

    ResponderExcluir
  30. Super concordo com todas.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.com

    ResponderExcluir
  31. Adorei seu post e concordo com você. Já recusei parcerias por dois motivos que você listou mas é super legal receber propostas principalmente quando é daquela marca que você sonha, lógico que tudo com equilíbrio.

    Beijos

    https://www.garotadoscremes.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Se não me identifico com a marca ou com o assunto a abordar recuso...


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  33. Nossa, sério, fico pistola quando alguém quer parceria que só beneficie um lado. Hoje em dia ando dizendo muito não para isso, não tem como...
    Ou querem pagar pouco, as vezes nem pagar querem. Aos poucos tô aprendendo a me valorizar.
    Beijos,
    Mundo Perdido da Carol
    Instagram: @carolinsweet
    Fan Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato! É complicado e temos que aprender a valorizar o nosso trabalho e dizer não de vez em quando.

      Excluir
  34. Adorei as suas dicas! São bem reais! De que vale termos parceiros se é algo que não em nada a ver com o nosso publico ou conteúdo? Continue o seu bom trabalho! :)

    Um beijo,
    Juliana

    Casa Perfeita - 5 itens de decoração para comprar na Rosegal

    ResponderExcluir

Copyright © 2016 LIKEGABS | Por Gabriela Soares , Blogger